burburinho

myst iii: exile

jogos por Nemo Nox

Uma ilha construda com grficos tridimensionais, repleta de puzzles e embalada por uma trilha sonora de qualidade. Sim, mais um episdio da srie Myst, agora o terceiro, distribudo no Brasil pela Brasoft: Myst III: Exile.

O primeiro Myst surgiu em 1993, poca em que o cd-rom comeava a se popularizar, e foi o primeiro jogo a aproveitar a nova capacidade de armazenamento para oferecer imagens de alta qualidade. Juntamente com sua seqncia, Riven, vendeu mais de dez milhes de cpias. A histria de Myst III: Exile encaixa-se como continuao dos episdios anteriores, mas mesmo quem no se der ao trabalho de ler todas as telas de texto explicativo do incio vai poder jogar sem percalos. Na verdade, no fundamental saber o passado da ilha ou os motivos do vilo, tudo pretexto para que o jogador resolva os puzzles e seja recompensado com seqncias de animao para cada sucesso. Por outro lado, quem quiser seguir todos os detalhes da histria vai descobrir um universo ficcional bem construdo e apoiado no s em grficos excelentes mas tambm numa trilha sonora na medida certa para colaborar na imerso.

A interface de Myst III: Exile tambm segue o mesmo estilo dos episdios anteriores, todas as aes resolvidas com simples clics do mouse. A grande diferena agora a possibilidade de girar o enquadramento em 360, inclusive enquanto os personagens falam ou se movem, o que d um realismo muito grande cena. Para contrabalanar, esse efeito limita a movimentao dentro dos cenrios - voc pode girar vontade em seu lugar, mas s pode se mover aos tranquinhos e parar em pontos pr-determinados.

A narrativa linear. Voc pode escolher a ordem em que certas tarefas sero executadas, mas h uma linha bsica inescapvel: o vilo espalhou as folhas de um dirio e sua misso reuni-las. Para isso, tem que completar uma srie de quebra-cabeas pelo caminho. O jogo dividido em eras, a cada uma correspondendo um cenrio diferente em 3d. Como nos outros episdios da srie, este o ponto forte de Myst III: Exile, imagens espetaculares. Muita gente que nem apreciadora de puzzles j jogou Myst s para se deliciar com os cenrios.

Os quebra-cabeas so quase sempre do mesmo gnero, lembrando vagamente testes psicotcnicos (reconhecimento de padres) ou labirintos para cobaias (manuseio de mecanismos). Alavancas para mover, catracas para girar, luzinhas para acender, e assim por diante. Quando o jogador completa um desses desafios brindado com uma seqncia animada, como o macaquinho que ganha um amendoim pela tarefa bem executada. Para quem gosta de ao, Myst III: Exile pode ser um pesadelo aborrecido. Mas nem s de exploses e sangue digital so feitos os jogos de computador, e um pacato puzzle muitas vezes exige mais nervos de ao que um zumbi pegajoso espera de um tiro na testa. Se voc aprecia pelejas desse tipo, Myst III: Exile vai proporcionar muitas horas de diverso.


pensamentos despenteados para dias de vendaval
Copyright © 2001-2005 Nemo Nox. Todos os direitos reservados.